JESUS CRISTO SE ENTREGOU POR MIM

Que tenho eu, Senhor, que Tu não me tenhas dado?
Que sei eu, Senhor, que não me tenhas ensinado?
Que valho eu, Senhor, se não estou a teu lado?
Que mereço eu, Senhor, se a ti não estou unido?

Perdoa-me os pecados que tenho cometido.
Tu me criastes, sem que o tivesse merecido
E tu me redimiste sem te ter pedido.

Tu muito fizestes, Senhor Jesus, ao criar-me
Muito mais bondoso fostes em resgatar-me.

Serás, Senhor, menos
generoso ao perdoar-me?

Pois o precioso sangue que tu derramaste
e a morte atroz, Jesus, que na cruz suportastes,
não a sofrestes pelos anjos que te atendem
mas por mim e pelos pecados que te ofendem!

Se te neguei, deixa-me agora proclamar-te.
Se te injuriei, ó Senhor, deixa-me louvar-te.
Se te ofendi, Senhor Jesus, deixa-me amar-te.
Porque mais morte que vida é viver sem adorar-te.

Amém.

(Padre Mateo Crawley)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: