Papa Leão VIII (964-65 D.C.)

Pope-Leo-VIII

Data de nascimento desconhecida; d. entre 20 de fevereiro e 13 de abril de 965. Quando o Imperador Otão I ilegalmente fez a deposição do indigno Papa João XII (novembro de 963), ele igualmente ilegalmente fez com que fosse eleito, para preencher seu lugar, um leigo, “Leão , o venerável protonotário “. Leão era romano e filho de um João. Sua família era bem conhecida no Clivus Argentarii (agora Via di Marforio, entre o Corso e o Forum Romanum), e ele próprio deu seu nome a várias ruas nos arredores de sua casa. Papa escolhido em 4 de dezembro, ele foi consagrado Bispo de Roma em 6 de dezembro, todas as ordens menores que, em violação da lei canônica, foram concedidas a ele no mesmo tempo por Sico, Bispo de Ostia. Algumas semanas após a consagração de Leão, os romanos fizeram um esforço inútil para derrubar a autoridade do imperador. Eles foram severamente punidos por sua tentativa; mas, por intercessão de Leão, Otão restituiu a eles os reféns que recebera deles. No entanto, tão logo o imperador deixou Roma, o povo se levantou e expulsou seu candidato (fevereiro de 964). João XII retornou imediatamente à cidade, convocou um concílio, condenou Leão “um dos empregados de nossa cúria, que quebrou sua fé conosco”, e degradou os clérigos ordenados por ele. Logo depois disso, João morreu (14 de maio de 964), e os romanos, imprudentemente elegeram para sucedê-lo, o cardeal-diácono Bento. Indignado com a expulsão de Leão e com a eleição de Bento, Otão correu para Roma e logo ficou de posse tanto dela como do novo papa. Leão voltou com o imperador e imediatamente levou Bento a julgamento. Com o consentimento de todos os seus pretensos juízes, Bento foi rebaixado ao posto de diácono, o próprio Leão rasgou o pálio de seus ombros (julho de 964). Se é fato, como afirma um contemporâneo, que Bento concordou com sua deposição, e se, como parece certo, nenhum protesto adicional foi feito contra a posição de Leão, ele pode muito bem ser considerado como um verdadeiro papa a partir de julho de 964 até sua morte em 965, sobre o mês de março.

Nenhum registro existente nos informa de quaisquer atos que Leão realizou durante o período em que ele pode ser seguramente considerado como um verdadeiro papa. É dito, de fato, que ele deu a Otão o direito de nomear qualquer um que ele escolhesse para ser papa ou bispo, e de ter restituído a Otão todas as terras que seus predecessores haviam concedido ao papado. É geralmente admitido, no entanto, que os documentos que fazem estas declarações sejam produções imperiais forjadas durante a disputa de investidura.


Mann, H. (1910). Pope Leo VIII. In The Catholic Encyclopedia. New York: Robert Appleton Company. Retrieved August 19, 2018 from New Advent: http://www.newadvent.org/cathen/09160b.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: