Por que os Católicos tem a Obrigação de Defender o Celibato e Por que os Protestantes são contra?

received_2045828935534254” Estes são os que não se contaminaram com mulheres, pois são virgens. São eles que acompanham o Cordeiro por onde quer que vá; foram resgatados dentre os homens, como primícias oferecidas a Deus e ao Cordeiro.” Apocalipse 14:4

Com o advento do mundo moderno, a sexualidade está totalmente paganizada . Desde Freud e a psicanálise as coisas só pioraram. Diante disso, o celibato virou uma espécie de fardo que reprime o Homem na visão do mundo moderno, dos protestantes e de muitos católicos que , contrariando Nosso Senhor , começam a concordar com o mundo e com Hereges . Esse texto busca mostrar que os católicos são obrigados a defender o celibato como forma perfeita de vida superior o Matrimônio e conprovar isso aos protestantes.
Primariamente, um Católico é obrigado a defender o Celibato! Isso foi definido pelo infalível Concílio de Trento :
Papa Pio IV, Concílio de Trento, Sessão 14, 11 de novembro de 1563, sobre o matrimônio: «Se alguém disser que o estado matrimonial é preferível ao estado de virgindade ou celibato, e que não é melhor e mais feliz permanecer na virgindade ou no celibato do que se unir no matrimônio [ver Mateus 19:11; 1 Cor. 7:25]: seja excomungado» (Denzinger 980)


Um católico que defende o ” fim do celibato ” por considerá-lo um estado ” imperfeito ” ou um ” Fardo ” está longe da verdadeira Fé. A condenação do concílio deveu-se , obviamente , ao protestantismo que trouxe uma visão completamente nova e maligna sobre a sexualidade . Na visão católica , a sexualidade deve ser regulada devido ao pecado original. São Paulo diz, nas Sagradas Escrituras: “Não vos defraudeis um ao outro, senão de comum acordo, durante algum temo, para vos aplicardes à oração; e de novo tornai a coabitar, para que não vos tente satanás por vossa incontinência. Mas digo-vos isto por condescendência, não por mandamento.” 1 Cor 7:5-6. 
Quer dizer, o casal, para melhor se pôr em oração, deve se abster do débito conjugal durante um tempo. A Igreja também não falava publicamente sobre os ” contraceptivos naturais ” porque tais meios são exceções para casos extremos como miséria ( https://youtu.be/85nlXn7-HP8 e https://youtu.be/ErhZCkNdOUU) eram exceções – e ainda são apesar de muitos erradamente tomarem como regra . Essa visão católica é oposta a visão protestante. Lutero era um frade que tinha feito voto de celibato e o rompeu se casando com uma Freira que também o tinha feito. Por toda a Europa o Heresiarca mandou os seus ” pastores ” libertarem freiras dos conventos. Protestantismo foi a primeira revolução sexual e ela trouxe uma visão ” positiva ” da sexualidade ignorando o pecado original e descartando o celibato. Um católico que segue essa ideia age como um protestante e , portanto , se afasta da Fé da Igreja . A visão católica está em pleno acordo com as Escrituras Sagradas conforme o concílio de Trento cita
1 Coríntios, Capítulo 7: «Quanto aos assuntos sobre os quais vocês escreveram, é bom que o homem não toque em mulher, mas, por causa da imoralidade, cada um deve ter sua esposa, e cada mulher o seu próprio marido… Digo isso como concessão, e não como mandamento. Gostaria que todos os homens fossem como eu; mas cada um tem o seu próprio dom da parte de Deus; um de um modo, outro de outro. Digo, porém, aos solteiros e às viúvas: é bom que permaneçam como eu…»
.Vemos claramente que São Paulo identifica o estado de virgindade ou celibato como um estado melhor do que o estado matrimonial. Nós também vemos isso nas palavras do próprio Jesus:
Mateus 19:11-12: «Jesus respondeu: “Nem todos têm condições de aceitar esta palavra; somente aqueles a quem isso é dado. Alguns são eunucos porque nasceram assim; outros foram feitos assim pelos homens; outros ainda se fizeram eunucos por causa do Reino dos céus. Quem puder aceitar isso, aceite“.»
Esta verdade bíblica, que é rejeitada pelos protestantes, foi ensinada repetidamente pelos padres da Igreja – isto é, aqueles proeminentes escritores cristãos dos primeiros séculos que repetiram as verdades aprendidas dos apóstolos. Aqui estão dois exemplos de vários que podem ser citados.
São João Crisóstomo, 392 d.C.: «Que a virgindade é boa, estou de acordo. Mas ela é ainda melhor que o matrimônio, isso eu confesso. E se você quiser, acrescentarei que isso é muito melhor do que o matrimônio, assim como o céu é melhor do que a Terra, assim como os anjos são muito melhores do que os homens.» (The Faith of the Fathers, vol. 2: 1116)
São Cirilo de Jerusalém, 350 d.C.: «Enquanto você mantiver a castidade perfeita, não se vanglorie daqueles que andam por um modesto caminho matrimonial… Porque você possui ouro, não despreze aqueles que têm prata.» (The Faith of the Fathers, vol. 1: 818

Diante disso , surge uma objeção. Por que, então , a Igreja permite o casamento de padres na suas Igrejas Orientais? É importante explicar isso conceituando isso na história . No passado , não existiam meios de comunicação eficazes e o ocidente e o oriente ficaram isolados . Quando os contatos voltaram já havia a tradição nos orientais de permitir que os padres casem . A Tradição já era recorrente . A Igreja ,então, foi piedosa e concedeu essa concesão aos Orientais . Mas foi uma exceção! No rito Latino o Celibato sempre existiu ( conforme mostra o Padre Paulo Ricardo nesse vídeo : https://youtu.be/hpMNNeo57mk) . Ainda sim, o casamento é só permitido não é obrigatório e os Bispos precisam ser celibatários no oriente .
Outra situação são as adulterações. Os protestantes ignoram as passagens que mostram claramente o celibato e adulteram outras para legitimar sua ideia degenerada de sexualidade . Podemos citar :
(I Corintos 9-5)
mê ouk echomen exousian (adelphên gunaika) periagein ôs kai oi loipoi apostoloi kai oi adelphoi tou kuriou kai kêphas
Tradução Correta.
5. Acaso não temos nós direito de deixar que nos acompanhe uma (mulher irmã), a exemplo dos outros apóstolos e dos irmãos do Senhor e de Cefas?
Podermos observar nesse versículo que São Paulo estava fazendo uma referencias as (Mulheres Irmãs) que hoje chamamos de (freiras) e sua missão junto do ministério Apostólico, nesse caso ele diz que essas (Mulheres Irmãs) acompanhavam os Apóstolos e Discípulos (era o caso de Maria Madalena, Maria de Cleofas, Salomé, Joana entre outra), porém nossos amigos hereges trocaram a palavra (Adelphen gunaika) que significa (Mulher Irmã) para (Esposa Crente) insinuando que os Apóstolos não eram Celibatários.
Essa é a Tradução Satânica da João Ferreira de Almeida (Falso Padre).
“Não temos nós direito de levar conosco uma (esposa crente), como também os demais apóstolos, e os irmãos do Senhor, e Cefas?”
E elas não param por ai. Por isso aliás os protestantes tem tanto problema com a Virgindade da Santíssima Virgem. Eles não podem crer que uma pessoa tão Santa pode ser Virgem. Essa perseguição contra o Celibato eles herderam de seu pai….


Diante dessas provas, fica evidente que o Celibato é algo fundado na Revelação e que deve ser defendido por qualquer um que se diz cristão .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: