O DECLÍNIO DO MOVIMENTO DE ÍCONES E A RESTAURAÇÃO DA VENERAÇÃO DE ÍCONES

O breve reinado de Leão IV (775 – 80) é um período de transição entre o pico da iconoclastia sob Constantino V e a restauração da veneração dos ícones sob Irene. Leão IV, filho de Constantino com seu primeiro casamento com uma princesa kazar, era por natureza um homem moderado. Os ataques ao culto à... Continuar Lendo →

AS ORIGENS HERÉTICAS DA ICONOCLASTIA

“As imagens são honradas por todos os fiéis, para que, através de um rosto visível, a nossa alma seja arrebatada até à majestade invisível de Deus, com um afeto espiritual através da contemplação da imagem representada segundo a carne que o Filho de Deus se dignou assumir para nossa redenção."- Jean-Claude Schimitt pág. 57 O... Continuar Lendo →

O PAPADO NA IGREJA PRIMITIVA, PARTE 3

Dando continuidade falando sobre os acontecimentos durante o papado de Santo Higino, Santo Irineu (130-202), bispo de Lyon, relata um fato interessante ocorrido nesse período: hereges buscavam a cabeça da Igreja para ataca-la universalmente, e sempre buscavam Roma. Os historiadores franceses Jules Lebreton e Jacques Zeiller comentam o ocorrido em que o teologo gnóstico Valetino,... Continuar Lendo →

A REBELDIA DE UM MONGE

A REBELDIA DE LUTERO Bula Exsurge Domine de Leão X (15/06/1520) É sabido que Martinho Lutero (1483-1546) conhecia os escritos de Hus já antes de sua ruptura com a Igreja. Religioso agostiniano em 1505, sacerdote em 1507, foi pro fessor na Universidade de Wittenberg de 1511 até à morte. Seu pensamento teológico esteve em continua... Continuar Lendo →

A DEFINIÇÃO DO CÂNON BÍBLICO E O CONCÍLIO DE TRENTOConcílio de Trento (XIX ecumênico) Decreto sobre o cânonUma polêmica Protestante(sessão IV – 08/04/1546)

A DEFINIÇÃO DO CÂNON BÍBLICO E O CONCÍLIO DE TRENTO Concílio de Trento (XIX ecumênico) Decreto sobre o cânonUma polêmica Protestante(sessão IV – 08/04/1546) Para trazer um esclarecimento final sobre o assunto das Sagradas Escrituras, este artigo encerra as informações sobre as decisões acerca dos textos sagrados. Devemos esclarecer, inicialmente, que o Concílio de Trento... Continuar Lendo →

A DEFINIÇÃO DOS LIVROS DA BÍBLIA

A DEFINIÇÃO DOS LIVROS DA BÍBLIA Fontes da RevelaçãoTomus Damasi O decreto [Decretum Damasi], posteriormente incorporado ao decreto gelasiano [Decretum Gelasii], se não é do Papa Dâmaso, provavelmente foi redigido antes do ano 405, visto que, nesse ano, o Papa Inocêncio I, numa carta ao bispo Exupério datada de 20/02, atribuiu ao Apóstolo São João... Continuar Lendo →

O CÂNON DA SAGRADA ESCRITURA

O CÂNON DA SAGRADA ESCRITURA Dando continuidade ao tema sobre as fontes da Revelação, iremos fazer alguns artigos, esse e mais um sobre as Sagradas Escrituras.Os textos sagrados do cristianismo se dividem em livros do Antigo e do Novo Testamento: os primeiros foram compostos antes de Cristo; os segundos, nos tempos apostólicos. Chamam-se sagrados porque... Continuar Lendo →

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑